Reabilitação do Pavimento Pélvico

O que é Reabilitação do Pavimento Pélvico?

A Reabilitação do Pavimento Pélvico é uma das formas conservadoras que procura devolver a função dos músculos e outras estruturas localizadas na zona pélvica, responsáveis pela sustentação de órgão como a bexiga, o útero, a uretra e os intestinos.

Como é a consulta de Reabilitação de Pavimento Pélvico?

Inicialmente é realizada uma avaliação detalhada da função muscular desta estrutura, de forma a se traçar um plano de tratamento individualizado. O tratamento pode ser realizado através de técnicas ativas e/ou passivas, dependendo a avaliação inicial realizada. Com estas técnicas pretende-se restabelecer a força, o relaxamento e/ou o alongamento muscular, características essenciais para um bom funcionamento muscular. Dentro destas técnicas temos a cinesioterapia, biofeedback, eletroestimulação, massagem perineal, exercícios hipopressivos, entre outras. 




Que casos clínicos cuidamos?

❯  Incontinência Urinária;
❯  Incontinência Fecal;
❯  Disfunções Sexuais Femininas e Masculinas;
❯  Preparação para Parto;
❯  Recuperação Pós Parto;
❯  Prolapsos Pélvicos e dor pélvica e/ou perineal.

 

Qual é o resultado que pode esperar?

O principal objetivo da Reabilitação do Pavimento Pélvico é a melhoria dos sintomas, mas também da qualidade de vida. Dando funcionalidade a esta musculatura, todos os problemas que se desenvolvem devido à sua alteração melhoram, como os casos de Incontinência Urinaria, Prolapsos, entre outras patologias já referidas.

 

Perguntas frequentes

É indicada como tratamento inicial para as disfunções do pavimento pélvico, tais como situações de Incontinência Urinaria (seja uma Incontinência de Esforço, de Urgência ou Mista), Incontinência Fecal, Disfunções Sexuais Femininas e Masculinas, Preparação para Parto, Recuperação Pós Parto, Prolapsos Pélvicos, Dor Pélvica ou Perineal e todas as situações em que seja pertinente uma melhoria da função muscular desta estrutura.

Sabendo a importância que o Pavimento Pélvico tem na sustentação dos órgãos internos, na manutenção da continência e na fomentação de relações sexuais satisfatórias, a sua reabilitação, para além de promover uma melhoria da sintomatologia associada às suas disfunções, pode evitar ou, pelo menos retardar, possíveis cirurgias e promover uma melhoria na qualidade de vida.

CONSULTAS ONLINE CONSULTAS ONLINE
Marque agora a sua sessão!